Em vídeo, passageiros mostram cenário de destruição após ônibus capotar

Sérgio Gonzales Gimenez estava no ônibus que capotou

Ao embarcar em Ponta Porã com destino a Campo Grande, em busca de qualificação para melhorar a vida, o confeiteiro Sérgio Gonzales Gimenez, 22 anos,  nem imaginava o que encontraria pela frente.  “Entrei no ônibus e logo peguei no sono. Quando acordei vi muita luzes e fiquei alguns segundos sem saber o que estava acontecendo. Achei até que tinha morrido”, conta Sérgio que se lembrou de Diana Bazan, sua namorada. Ainda assustado e com sangue no rosto, resolveu mandar um vídeo  para ela.

Ao conversar com a reportagem do Jornal Midiamax Sérgio contou que esta viagem tinha sido planejada com antecedência. “Trabalho em confeitaria e estava me preparando para fazer esse curso em Campo Grande. Um pouco antes de embarcar me deu até vontade de desistir, mas decidi seguir em frente, em busca de dias melhores para a minha vida”, explica o confeiteiro.

O acidente com o ônibus da empresa Expresso Queiroz aconteceu na madrugada desta terça-feira (3) na BR-463 entre Dourados e Ponta Porã. O motorista do ônibus relatou que um caminhão invadiu a pista e para não colidir de frente, jogou o ônibus para o acostamento e acabou capotando.

O que diz a empresa

Em nota, a empresa Expresso Queiroz informou que lamenta o acidente e que 33 pessoas estavam no veículo, e que apenas lesões leves foram registradas. “Tão logo teve ciência do acidente, a empresa, por intermédio de seus agentes e prepostos, enviou todos os esforços no auxílio do SAMU e do Corpo de Bombeiros para o resgate dos feridos, acionando prontamente seu protocolo de assistência, acompanhando o deslocamento dos 18 passageiros que demandaram atendimento médico ao Hospital da Vida e à UPA da
cidade de Dourados”.

Ainda conforme a empresa, até o início da tarde desta terça apenas duas vítimas não tinham tido alta médica. “Sendo-lhes assegurado todo suporte logístico para o traslado até seus respectivos destinos.
A Expresso Queiroz Ltda. está colaborando com as investigações para apuração das causas do
acidente e prioriza, neste momento, o integral apoio aos passageiros e suas famílias”, afirma a empresa.

Mais notícias