Desafio dos R$ 50: dicas para garantir o presente do Dia das Crianças

Reportagem visitou algumas lojas no Centro da Capital

Com R$ 50, a equipe do Jornal Midiamax visitou algumas lojas no Centro da Capital. O objetivo era saber se, com esse valor, seria possível garantir presentes de qualidade para a criançada, e a resposta é sim.

Em algumas lojas do Centro da Capital os brinquedos custam a partir de R$ 2. ‘Com R$ 50, dá para fazer a festa’, afirmam alguns lojistas.

Levando em consideração a pesquisa realizada pela Fercomercio-MS (Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Mato Grosso do Sul) que aponta a intenção de consumo de R$ 154 neste ano, existe uma parcela da população que não tem essa grana sobrando e o jeito é pesquisar bem os preços e visitar as lojas do ‘centrão’.

Confira os preços em duas lojas visitadas pela equipe do Jornal Midiamax

Nessas lojas tem presente para todos os bolsos, desde um jogo de dominó, que custa R$ 2,50, até opções acima de R$ 100, mas dentro da nossa margem de R$ 50, dá para encontrar:

Paulistão (Rua Rui Barbosa): Cubo mágico (R$ 4), diversos modelos de carrinhos (R$ 4), boneca mini miudinhas (R$ 18), boneca Tatá Baby (R$ 19), blocos para montar (R$ 22,50), carrinho do Corpo de Bombeiros (R$ 33,50), piscina de bolinhas (R$ 39), baú joaninha (R$ 48), princesa Pink (R$ 49), entre outros.

Giga (Avenida Afonso Pena): Boneca sereia (R$ 12,99), carrinho de fórmula 1 (R$ 16,99), carrinho speed-com controle remoto (R$ 19,99), boneco vigilante (R$ 19,99), boneco heróis (R$ 24,99), boneca little dools (R$ 29,99), entre outros.

Patrícia, André e Mickael (Foto: Leonardo de França, Midiamax)

A poucos dias da data, lojistas afirmam que a procura por presentes já começou. A vendedora Valdete de Almeida Souza, conta que desde a semana passada, os pais já estão pesquisando os preços.

“A procura é grande, essa semana já foi bastante movimentada e esperamos um movimento ainda maior na próxima. Sempre estamos realizando promoções”, diz.

O dia 12 de outubro deste ano será especial para a recepcionista Patrícia Marun e para o professor André Reis. O casal resolveu antecipar a compra do primeiro presente do filho, Mickael, de 3 meses.

“É nossa primeira experiência como pais, dá vontade de comprar tudo e é empolgante”, afirma Patrícia.

Mais notícias