Depois da chuva, aeronave faz voo para verificar se ainda ‘restam’ incêndios no Pantanal

Caso não existam focos de incêndio, equipes serão realocadas

Depois da chuva que atingiu as cidades de Mato Grosso do Sul, os Bombeiros devem monitorar e identificar se ainda restam focos de incêndio no Pantanal nesta quinta-feira (25). O monitoramento e reconhecimento da área será feito por uma aeronave na região de Aquidauana, a 143 km de Campo Grande.

As equipes da força-tarefa da operação Pantanal, que combate os incêndios que atingiram o bioma, continuam nas bases, enquanto aguardam estratégias após o voo de reconhecimento da aeronave Nimbus 01. De acordo com o Corpo de Bombeiros, se ainda houver focos de incêndio na região, as forças-tarefa serão deslocadas para combate às queimadas ainda nesta quinta-feira (25).

Caso a chuva tenha extinguido os focos de incêndio no Pantanal, as equipes serão enviadas para outra região, conforme ordens do Comando Unificado.

Chuva ajudou a controlar focos

Nesta quarta-feira (25), choveu em toda a região abrangida pela base da Operação Pantanal, em Aquidauana. Com a chuva, não foram realizados voos com o helicóptero Águia, porém, a aeronave Nimbus fez um voo de monitoramento e combateu alguns focos de incêndios que ainda persistiam, mesmo com a chuva. Em solo, as equipes monitoraram todos os focos que foram possíveis os acessos, e verificaram a extinção dos incêndios.

Mais notícias