Após multa, Consórcio protocola compra de 55 novos ônibus, diz Marquinhos

Empresa entrou na Justiça cobrando indenização de R$ 76,6 milhões a Prefeitura Municipal

Após recorrer de multa de R$ 2,6 milhões por não cumprir com a concessão e se negar a comprar novos veículos para o transporte público, o Consórcio Guaicurus enfim teria concordado em comprar 55 novos ônibus para Campo Grande.

O prefeito Marquinhos Trad (PSD) disse durante evento na governadoria que a empresa informou a prefeitura da nova aquisição, mas não deu mais detalhes de quando veículos deverão chegar a Capital.

Além disso, o prefeito informou que, junto a Agereg (Agência Municipal de Regulação de Serviços Públicos), estão aguardando decisão da Justiça para dar prosseguimento nas negociações com o Consórcio. Empresa judicializou processo após prefeitura não concordar com reajuste no preço da passagem e cobra indenização de R$ 76,5 milhões aos cofres públicos.

“Para que não haja decisões conflitantes, a gente multa e o judiciário disse que não era para multar, nós achamos por bem esperar a decisão judicial primeiro para fazer a administrativamente”, disse Marquinhos Trad.

A reportagem entrou em contato com o diretor da Agereg, Vinícius Leite, mas ligações não foram atendidas.

Mais notícias