Confira o que pode ou não ser levado para o Enem neste domingo

Fique atento: um descuido pode levar à eliminação

O Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) está mais rigoroso neste ano e, por isso, os candidatos devem ficar muito atentos para que um erro bobo não termine em desclassificação. Um exemplo é o celular: se ele emitir som durante a prova, mesmo no envelope lacrado, é eliminação na certa.

Neste ano, pelo menos 30 itens de segurança foram editados pelo INEP (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), que caso sejam descumpridos podem levar o candidato à desclassificação. Para quem estiver em dúvida sobre o que levar, a caneta é o único material permitido. Ou seja, estudantes podem deixar lápis, borracha e apontador em casa. Outro detalhe importante é a cor da caneta. Esqueça o meme da caneta azul, o Enem só permite o uso da caneta preta.

Outra regra importante é sobre o lanche para a hora da prova. De acordo com as regras da prova, quem não permitir que o fiscal de prova vistorie o lanche levado à sala de prova também pode ser punido com eliminação.

A dica do Ministério da Educação para os alunos é que antes de entrar na sala, guardem os objetos não permitidos no envelope porta-objetos, feche o lacre e deixe debaixo da sua cadeira até terminar a prova. Os candidatos ainda devem conferir com atenção os dados no cartão-resposta e na folha de redação, além dos dados na ficha de coleta do dado biométrico.

“Destaque, com muito cuidado, o cartão-resposta/folha de redação e a folha de rascunho do caderno de questões. Eles não poderão ser substituídos se forem danificados”, orienta MEC.

Primeiro dia de prova

Para o primeiro dia de provas, os candidatos devem estar cientes que não podem trocar a opção de língua estrangeira escolhida na hora da inscrição. Se você optou por ‘Inglês’ ao se inscrever, não pode mais mudar de ideia.

Na redação, alguns descuidos podem resultar em nota zero: fugir do tema proposto; letra ilegível; não atender a proposta pedida; entregar a folha de redação sem nada escrito; escrever predominante ou integralmente em língua estrangeira; usar desenhos e outras formas propositais de anulação; fazer uma estrutura de texto diferente do tipo dissertativo-argumentativo; apresentar nome, assinatura, rubrica ou qualquer outra forma de identificação.

O que pode levar para a prova do Enem?

Há dois itens OBRIGATÓRIOS para que o candidato possa fazer a prova, e uma lista de objetos que são permitidos, dependendo de uma série de situações:

  • OBRIGATÓRIO: A caneta deve ser esferográfica, de tinta preta, fabricada em material transparente.
  • OBRIGATÓRIO: O acesso à sala de provas só será permitido mediante a apresentação de um documento de identificação original e com foto, como: identidade, carteira de registro nacional migratório, carteira de trabalho, certificado de reservista, passaporte e carteira de motorista (CNH).
  • Caso o documento tenha sido roubado ou furtado antes do exame, o candidato deverá apresentar o boletim de ocorrência expedido por um órgão policial há, no máximo, 90 dias. Também deverá passar por uma coleta de dados biométricos e assinar um formulário especial.
  • Candidatos que apresentem documentos permitidos e originais, mas danificados ou com foto infantil, poderão fazer a prova, desde que se submetam a uma identificação especial.
  • Participantes que solicitaram atendimento especializado para cegueira, surdocegueira, baixa visão e visão monocular podem utilizar os seguintes materiais: máquina Perkins, reglete, punção, sorobã ou cubaritmo, caneta de ponta grossa, tiposcópio, assinador, óculos especiais, lupa, telelupa, luminária e tábuas de apoio. Também podem ser acompanhados por cão guia. Todos esses recursos serão vistoriados pelo aplicador do exame.
  • Artigos religiosos, como quipá, são permitidos, mas devem ser verificados por um funcionário.
  • O cartão de confirmação de inscrição, embora não seja obrigatório, traz dados importantes, como o endereço de aplicação da prova.

O que NÃO pode levar para a prova do Enem?

  • Documentos como certidão de nascimento ou de casamento, título eleitoral, CNH anterior a 1997, carteirinha de estudante, crachás, vias digitais ou cópias autenticadas não serão aceitos.
  • Telefones celulares e quaisquer equipamentos eletrônicos devem ser desligados e guardados em um envelope lacrado, que permanecerá debaixo da carteira. Entram na lista: calculadoras, agendas eletrônicas, tablets, ipods, gravadores, pen drive, relógio, chaves com alarme, fones de ouvido e gravadores.
  • Durante a aplicação do exame, se algum aparelho, mesmo que devidamente guardado, emitir som, o candidato será eliminado.
  • Lápis, caneta de material não transparente, lapiseira, borracha, régua, corretivo, livros, manuais e anotações são proibidos – devem ficar guardados no envelope.
  • Qualquer dispositivo que receba imagens, vídeos ou mensagens é vetado.
  • Óculos escuros, bonés, chapéus, viseiras ou gorros não são permitidos.
Mais notícias