Com queimada na vegetação, PRF alerta motoristas para dirigir na BR-262 em MS

Sargento dos Bombeiros e PRF alertam para riscos de condutores que passam por trecho problemático da via

A região do Pantanal voltou a ter cuidados redobrados devido a mais focos de incêndio que estão surgindo na região que são consequências do calor intenso e falta de chuva. De acordo com o Sargento André Martí, do Corpo de Bombeiros de Corumbá, devido ao fogo chegar nas proximidades da BR-262, é preciso ter atenção redobrada ao passar pelo local.

A maior preocupação com quem cruza a rodovia é a alta temperatura e a fumaça que pode prejudicar a trafegabilidade dos veículos. “Por isso, se passar pelo local e estiver ocorrendo o incêndio, feche os vidros do carro, diminua a velocidade e redobre a atenção, pois pode ter animais na pista tentando fugir do fogo”, explica o Sargento.

A PRF (Polícia Rodoviária Federal) recomenda aos motoristas que evitem viajar no período noturno até que cessem as queimadas.

Estimativas

O Sargento André Martí informou que ainda não foi feita uma varredura aérea para saber a quantidade de focos e de hectares que já devastou na região. “Estamos fazendo as análises, mas não há um prazo definido para divulgação”, afirma.

A PRF divulgou uma nota sobre as queimadas na BR-262 alegando que a rodovia tem sido alvo de incêndios e desde domingo, a polícia rodoviária observou diversos focos de incêndio em vários pontos, especialmente entre os KM 620 e 700 – próximo a Corumbá.

Policiais têm feito rondas no intuito de flagrar os autores das queimadas e acionado o Corpo de Bombeiros para combater o fogo. Somente nesta terça-feira (29), foram observados pelo menos 20 focos de incêndios em locais diversos e não só às margens da rodovia, mas em locais mais afastados.

Aeronave do MT

O Secretário da Semagro (Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção de Agricultura Familiar), Jaime Verruk, informou na manhã desta segunda-feira (28), que devido a volta desses pontos complicados, uma aeronave do governo de Mato Grosso será utilizada para ajudar no combate ao fogo.

O Sargento do Corpo de Bombeiros de Corumbá alega que até o momento ainda não houve nenhuma confirmação concreta sobre a atuação da aeronave no Pantanal. “Houve a afirmação do secretário, mas não está aplicada para desenvolver o sobrevoo e até o momento não há data para a realização de tal ação”, concluiu.

Mais notícias