Com calorão de 34°C, moradores sofrem com falta d’água em bairros de Campo Grande

População tem dificuldades até para tomar banho e ir ao banheiro

Depois do desabastecimento anunciado pela Águas Guariroba em diversos bairros em Campo Grande, moradores ainda sofrem com a falta d’água neste domingo (3). Com as altas temperaturas, os moradores dizem que não tem água sequer para tomar banho.

No Nova Lima, moradores dizem estar sem água desde quinta-feira (31). “Não tem uma gota d’água. Conseguimos um balde de água para tomar banho, chegou um pouco, mas já acabou. Aqui é condomínio e tem mais moradores, aí temos que dividir”, conta o operador de máquinas Tiago Souza.

Na região do bairro Monte Castelo, moradores também sofrem com a falta d’água. Um dos moradores, que não se identificou, conta que não consegue tomar banho há dois dias e para ir ao banheiro, precisa recorrer a um mercado nas proximidades. “Está um caos, é ainda mais complicado para quem tem criança em casa”, afirma.

Além dos dois bairros, moradores do Coophasul também entraram em contato com o Jornal Midiamax para contar sobre a falta de abastecimento. Segundo eles, falta água desde quinta-feira (31). A Águas informou que os serviços haviam sido normalizados na região, mas moradores afirmam que apenas um caminhão pipa foi enviado no início da tarde.

De acordo com o anúncio feito pela Águas Guariroba anteriormente, o abastecimento de água deveria começar a ser restabelecido gradativamente no sábado (2). As regiões afetadas foram: Vivendas do Bosque, Coophafe, Giocondo Orsi, Monte Castelo, Planalto, Vila Sobrinho, Santa Mônica, Vila Margarida, Estrela do Sul, Otávio Pécora, São Francisco, Coophasul, Parque Laranjeiras, Santa Carmélia, Coophatrabalho, Panamá, Petrópolis, Jd. Aeroporto, Talismã, Jd. Seminário, Mooca, Santa Luzia, Popular, Nova Campo Grande.

 

Mais notícias