#CG120: Muito além do Parque das Nações, confira os ‘rolês 0800’ da Cidade Morena

Arte, lazer e natureza movimentam a agenda gratuita da cidade

Neste mês de agosto Campo Grande está em festa e há muita programação pela cidade, mas sabia que você pode comemorar o ano todo? Separamos sugestões de passeios gratuitos para todos os gostos, são opções que ocorrem com frequência na Cidade Morena e vão além dos passeios no Parque das Nações Indígenas. 

Sarau de Segunda

Foto: Reprodução/ Redes sociais

Para começar bem a semana, você pode curtir música ao vivo, comidas típicas e até mesmo veganas, apoiar os artistas locais e ainda ver performances de dança ou teatro. Desde 2014 este sarau ocupa a Praça dos Imigrantes, trazendo cultura todas as segundas-feiras para o centro da cidade. 

Local: Rua Rui Barbosa, 65 – Centro.

Horário: 18h às 22h.

Data: Toda segunda-feira.

Sarauzin de Terça

Todas a terças-feiras, a partir das 19 horas no vagão Larica´s da Lu, que fica na Orla Ferroviária, quase em frente à Morada dos Baís. O sarau acontece há pouco mais de um ano, com microfone aberto para artistas e pessoas que preservam a arte a e cultura se apresentarem.

Praça Bolívia

Foto: Reprodução/ Redes sociais

Outra opção de feira de artesanato, arte e culinária, é a feira mensal que acontece na praça Bolívia. A praça foi inaugurada em 2005, e desde então serve de palco para integração cultural dos dois países. 

Local: Rua das Garças com a Barão da Torre – Santa Fé.

Horário: 09h às 14h.

Data: Todo segundo domingo do mês.

Dança na Orla Morena

Foto: Reprodução/ Redes sociais

Se quer animar a noite e ainda fazer uma atividade física, este é o passeio ideal. O projeto Zouk tem o objetivo de estimular o ritmo caribenho na dança, mas além dele é possível curtir forró, samba, bachata, salsa, kizomba e até bolero durante a noite. Para participar é só ir até o palco Arena da Orla Morena.

Local: Av.  Noroeste, 2210 – Cabreúva.

Horário: 19h.

Data: Todo domingo.

Parque do Prosa

Foto: Reprodução/ Redes sociais

Pertinho do parque da Nações Indígenas existem diversas trilhas, que podem ser feitas com agendamento prévio. É possível observar a fauna e flora durante o percurso, que é planejado conforme o perfil do visitante. Recomenda-se que esteja usando roupas confortáveis, repelente e leve sua garrafa de água.

Local: Jardim Veraneio

Data:Terça à sábado.

Horário: Variável de acordo com agendamento, mas normalmente ocorre no início da manhã e da tarde. 

Telefone para agendamento de visitas: 3326-1370.

Slam Camélias

Foto: Reprodução/ Redes sociais

Se você gosta de poesia, este é o programa perfeito para você. Slam são campeonatos de poesia, onde cada participante tem até três minutos para declamar seus versos. O Slam Camélias é um movimento que agrega todos os públicos, mas apenas mulheres podem se apresentar, e acontece desde 2016.

Local: Av. Noroeste, 5.100 – Centro.

Data: Uma vez ao mês, datas divulgadas em redes sociais.

Horário: 17h

Saraguá

Foto: Reprodução/ Redes sociais

Outro sarau para quem deseja se aventurar nas diversas formas de arte. Recentemente criado, ele acontece duas vezes ao mês, e tem a proposta de levar representações artísticas de causas sociais e pelo menos duas apresentações musicais por noite.

Local: Rua Ana América, 500 – Vila Planalto.

Data: Quinzenalmente, os próximos acontecerão nos dias 13/08 e 27/08.

Horário: 19h às 22h.

Plataforma Cultural

Foto: Reprodução/ Prefeitura Municipal

Espaço histórico da capital, que possui feira de artesanato todos os meses. Na Plataforma também é possível aproveitar coletivos de  brechó, e exposições de artes plásticas, que ocorrem na Galeria de Vidro.

Local: Av Calógeras, 3015 – Centro.

Data: Todo segundo domingo do mês.

Horário: 16h às 21h.

 

Imagem: Dândara Genelhú

 

Mais notícias