Após ser atendida e não realizar exames, criança morre com meningite em Dourados

Pai afirma que vai processar unidade de saúde por negligência

Morreu na manhã desta sexta-feira (29) no HU-UFGD (Hospital Universitário da Universidade Federal da Grande Dourados), um menino, de 6 anos que foi vítima de meningite. O garoto teria começado a sentir dores no estômago, pernas e cabeça, além de ânsia de vômito na manhã de quinta-feira (28).

De acordo com a rádio 94FM de Dourados, ainda na data de ontem, a família da criança procurou por atendimento médico e conforme declaração do pai, tanto UPA (Unidade de Pronto Atendimento) e a Seleta não realizaram os exames para identificarem o que a criança tinha contraído, sendo medicado e liberado em seguida.

A família retornou para a casa e no início da madrugada desta sexta, a criança voltou a sentir dores e foi encaminhada para o HU, mas acabou morrendo devido a complicações às 6h, após a constatação de que ele estava com meningite.

Sem o atendimento adequado nas primeiras unidades, o pai afirmou que vai processar a Seleta por negligência.

Mais notícias