Após faltar reunião, presidente do Consórcio promete negociar com motoristas

João Rezende afirmou que resolverá a demanda na base do questionamento

Depois de não comparecer em reunião que trataria do reajuste salarial dos motoristas, o presidente do Consórcio Guaicurus, João Rezende, disse que está em negociação com a categoria.

Durante evento de entrega dos novos ônibus do transporte público de Campo Grande, nesta segunda-feira (2), Rezende disse que resolverá a demanda e que momento é peculiar.

“Trataremos essa demanda com equilíbrio de maneira segura e respeitosa. E cuidando principalmente do atendimento do cidadão. O trabalhador tem o direito de buscar ajuste salarial”, disse.

Questionado se, caso não haja acordo, os motoristas entrariam em greve, João Rezende pontuou que acredita que isso não aconteceria, pois, a cidade não convive com isso. “O diálogo vai prevalecer com certeza. Estamos tratando isso de maneira bem atenta, porque é algo delicado”, disse.

Mais notícias