16 cidades de MS vão receber investimento de R$ 119 milhões em saneamento

Caixa, Governo do Estado e Sanesul assinaram contrato neste sábado (21)

A assinatura de um contrato de R$ 119 milhões vai proporcionar a 16 municípios de MS a construção de redes de esgoto, elevatórias e estações de tratamento. O contrato entre a Caixa, Governo do Estado e Sanesul foi assinado neste sábado (21).

Do valor total, R$ 113 milhões são oriundos dessa linha de financiamento, que tem o FGTS como fonte principal de recursos, e R$ 6 milhões são de contrapartida da SANESUL. Os valores serão investidos na construção de redes de esgoto, elevatórias, estações de tratamento de esgoto (ETE) e sistema de proteção de tubulações no Rio Paraguai, em Corumbá, além de melhorias em ETEs já existentes.

Para o presidente da CAIXA, Pedro Guimarães, a assinatura dos contratos representa um marco para a região. “Alguns municípios passarão a ter 100% do esgoto tratado, saindo de uma condição precária, sem estrutura de saneamento básico, para uma realidade com mais dignidade e saúde. São obras importantes, que vão beneficiar mais de 55 mil famílias”, explicou o presidente.

Serão contemplados os municípios de Anaurilândia, Anastácio, Aral Moreira, Bataguassu, Dois Irmãos do Buriti, Figueirão, Iguatemi, Inocência, Itaporã, Japorã, Mundo Novo, Rio Brilhante, Rio Negro, Rio Verde de Mato Grosso, Ivinhema e Corumbá.

O programa

O programa tem como objetivo aproximar a direção do banco dos empregados e clientes, ouvindo as demandas e necessidades regionais. São propostas soluções e alternativas que atendam as pessoas, empresas e entes públicos, fomentando o desenvolvimento das economias locais.

Campo Grande foi o 27ª destino do programa. Na ocasião, foram realizadas reuniões com empresários e empregados do banco, com o governador do estado, Reinaldo Azambuja (PSDB), com o prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad (PSD), além de visitas técnicas a obras.

Mais notícias