Levantamento da Sejusp aponta redução da criminalidade em MS

Dados comparam o número de crimes do primeiro quadrimestre de 2018 e 2017

Dados divulgados pela Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública) apontam que os sul-mato-grossenses estão mais seguros neste ano. O levantamento compara o número de crimes nos primeiros quatro meses do ano de 2018 e 2017.

Um dos crimes que apresentou redução no primeiro quadrimestre deste ano é o de roubos, com uma queda de 12,7% no estado. Os roubos contra residências apresentaram uma queda maior, com redução de 16,9%, já os roubos na rua caíram 11,3% em relação ao ano passado. Quando falamos de ocorrências envolvendo estabelecimentos comerciais os índices tiveram redução de 9,2% e de veículos 6,8%. De acordo com a Sejusp, o destaque na Capital é a redução do número de roubos a residências, com queda de 17,6%.

Os crimes contra a vida também diminuíram em relação ao ano passado. Dos 168 casos de homicídio doloso, quando há a intenção de matar, registrados no ano passado, 153 ocorrências foram registradas no começo deste ano. Segundo a Sejusp, a Capital apresentou uma redução ainda mais significativa: 31,3%. A Sejusp também registrou queda em homicídios culposos no trânsito em todo Estado (-3,4%), já em Campo Grande (-37,5%).

Segundo os dados da Sejusp, os únicos crimes que tiveram aumento no estado foram os roubos seguidos de morte (20%) e o feminicídio (33,3%). Já em Campo Grande, houve um crescimento das ocorrências de latrocínio com duas mortes registradas neste quadrimestre, juntamente com os números de furtos que aumentaram 9,3%.

Segundo o secretário Antonio Carlos Videira, os números são acompanhados diariamente pela Superintendência de Inteligência e que norteiam as ações e operações das polícias em todos os 79 municípios do Estado. “Temos intensificado nossas ações no combate ao tráfico drogas, principalmente o doméstico, que fomenta o aumento das ocorrências de roubos e furtos”, explica.

De janeiro a abril em todo Mato Grosso do Sul, foram realizadas mais de quatro mil operações, que resultaram na abordagem de 187.687 pessoas e 185.019 veículos. Ao todo foram apreendidas pelas forças de segurança neste quadrimestre mais de 73 toneladas de entorpecentes.

(Com informações da Sejusp)

Mais notícias