Notícias de Mato Grosso do Sul e Campo Grande

Com investimento de R$ 400 mil, onda verde promete agilidade em horário de pico na Afonso Pena

Em horário de pico, reportagem demorou pouco mais de três minutos para percorrer 2 quilômetros da avenida

A ‘onda verde’ que começa na Avenida Afonso pena, a partir do cruzamento com a Rua 13 de maio é uma proposta da Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito) para deixar o fluxo de veículos menos intenso e o tráfego mais rápido.

A Agência programou controladores semafóricos para que o sinal permaneça aberto em vários cruzamentos, permitindo assim, a passagem dos veículos com mais rapidez naqueles pontos.

Mas será que funciona?

O empresário Éder de Oliveira acredita que sim e que a onda verde deixa o trânsito mais ágil. “Agiliza muito, só o fato de ter talvez algum compromisso e quiser andar um pouco mais rápido na via, o trânsito fica muito mais viável.”

“Onda verde deixa o trânsito mais rápido”, afirma empresário (Foto: Minamar Júnior).

Segundo o diretor presidente da Agetran, Janine de Lima Bruna, o motorista poderá perceber as melhorias de fluxo nas seguintes extensões: 13 de Maio (Antônio Maria Coelho até Eduardo Elias Zahran), Rui Barbosa (Fernado Corrêa da Costa até Antônio Maria Coelho), Padre João Crippa (Fernando Corrêa da Costa até a Antônio Maria Coelho), Bahia (Fernando Corrêa da Costa até Antônio Maria Coelho), Afonso Pena (Alagoas até a Praça Newton Cavalcante – frente ao Círculo Militar) e Antônio Maria Coelho (Calógeras até a Ceará).

Testamos

A reportagem demorou pouco mais de 3 minutos para percorrer em horário de pico, a Avenida Afonso Pena, a partir do cruzamento com a Rua Rosa Pires até a Rua José Antônio.

O motorista de aplicativo Ivanildo Alves também fez em poucos minutos, o trajeto a partir do cruzamento da Avenida Afonso Pena com a Rua Calógeras até a Rua Bahia. “Vim direto e bem rápido. A gente que trabalha no trânsito precisa dessa agilidade”, relata.

“Precisamos de mais semáforos com onda verde em Campo Grande”, diz motorista de aplicativo (Foto: Minamar Júnior).

Conforme a prefeitura, cerca de R$ 400 mil foram investidos para a atualização semafórica. As próximas vias que terão os semáforos sincronizados pela onda verde são: Calógeras, Pedro Celestino, 13 de Junho, José Antônio, Ceará, Eduardo Elias Zahran e Avenida Mato Grosso.

Você pode gostar também
Comentários
Carregando...