Notícias de Mato Grosso do Sul e Campo Grande

Árvore centenária cai, interdita Avenida da Capital e suspende aulas em Escola Estadual

Por sorte, instituição estava fechada na hora da queda

A queda de um pé de Angico causou destruição na manhã desta segunda-feira (8), na Avenida da Capital, em Campo Grande. A árvore centenária, plantada no pátio da Escola Estadual Professor Henrique Ciryllo Correa, quebrou muros, desmoronou bancos, arrebentou fios da rede elétrica e caiu meio da via, interrompendo o trânsito.

Funcionários da escola relataram que foram pegos de surpresa com a queda e nunca perceberam que algo de errado havia na estrutura do tronco como parasitas ou podridão. Por volta das 11h20, a estrutura foi ao chão. O peso da árvore destruiu muro e bancos da instituição, entortou um poste e arrancou os fios da rede elétrica. Por sorte, a Escola não abriu as portas durante a manhã devido às eleições do último domingo.

Conforme o professor Jhonatan Gonçalves, o horário do acidente coincide com o período em que os pais estão buscando os alunos na Escola e, se as aulas tivessem sendo ministradas, a tragédia poderia ter sido muito maior.

“Essa árvore deve ter uns 150 anos e nunca percebemos que ela estava condenada. Os estudantes foram dispensados no período matutino por causa das eleições ontem e voltariam ao normal agora a tarde. Como a Escola ficou sem luz, não há previsão de volta.”

O Corpo de Bombeiros foi acionado para retirar a estrutura que acabou interditando a via. De acordo com o sargento Vareiro, o trabalho deve ser braçal até o fim do dia.

“Vamos ir cortando os galhos com a motosserra e ir retirando da rua. Quando chegar no tronco, a parte mais pesada, vamos chamar o guincho. O tráfego deve ser normalizado até o início da noite.”

Você pode gostar também
Comentários
Carregando...