Cotidiano

Grupo de 80 indíos ocupam duas fazendas em MS

Ao todo seriam 3.931 hectares

Diego Alves Publicado em 14/05/2016, às 00h50

None
indigenas.jpg

Ao todo seriam 3.931 hectares

Mais de 80 índios ocupam as fazendas Capão das Araras e Funil na tarde desta sexta-feira (13) em Aquidauana, cidade a 140 quilômetros de Campo Grande. Os proprietários das fazendas procuraram a delegacia de Anastácio onde fizeram boletins de ocorrência por esbulho possessório (invasão de terreno ou edifício).

De acordo com os responsáveis pela propriedades, os índios ocuparam 3.931 hectares nas duas fazendas. Ambos disseram que as propriedades são provenientes de heranças.

A proprietária da fazenda Capão das Araras, disse na delegacia que os indígenas chegaram ao local por volta das 15h30. Ainda segunda a fazendeira, cerca de 25 índios estão em 1.370 hectares, de um total de 2482 hectares. Ela também contou que a fazenda possui cerca de 1.392 cabeças de gado, uma casa de funcionário, galpão, mangueiro completo e um trator.

A responsável pela fazenda Capão das Araras também disse à Polícia Civil, que os índios pediram três vacas para a liberação da retirada do restante das cabeças de gado da propriedade.

Já o proprietário da fazenda Funil, registrou que um grupo de 80 indígenas chegou ao local por volta das 14h30 e ocupou uma área de 2.561 hectares. Ele também contou na delegacia, que a fazenda possuiu cerca de 870 cabeças de gado, mangueiro, casa sede e uma casa de funcionários. Segundo o fazendeiro, em sua propriedade, os índios também pediram três vacas para que seja liberada a retirada do restante das cabeças de gado.

Jornal Midiamax