MPE investiga vereador por ato de improbidade administrativa

Inquérito será conduzido pela promotora de Justiça Juliana Nonato

O MPE (Ministério Público do Estado de Mato Grosso do Sul) instaurou um inquérito civil para apurar possíveis atos de improbidade administrativa do ex-vereador Paulo Henrique Cançado Soares (PDT). O inquérito foi publicado no Diário do MPE desta sexta-feira (22).

De acordo com a publicação a prática de improbidade administrativa, por omissão, do vereador Paulo Henrique Cançado Soares, no âmbito do Poder Legislativo Municipal. O inquérito será conduzido pela promotora de Justiça Juliana Nonato.

MPE investiga vereador por ato de improbidade administrativa
Mais notícias