Prefeito de Goiânia morre após quase 3 meses internado com Covid-19

Maguito foi diagnosticado com a doença em 20 de outubro de 2020, em uma semana seus pulmões já estavam 75% inflamados

O prefeito licenciado de , Maguito Vilela (MDB), morreu nesta quarta-feira (13), em São Paulo, onde estava internado há quase três meses para tratar da . Maguito faleceu aos 71 anos.

O Hospital Israelita Albert Einstein, onde Maguito estava internado, divulgou um boletim no início desta semana, revelando que ele sofria de uma infecção pulmonar grave, seguia na UTI, em diálise contínua, sedado, traqueostomizado em ventilação controlado e drogas vasoativas em altas doses.

Segundo o hospital, a morte ocorreu na madrugada desta quarta. “O Hospital Israelita Albert Einstein comunica, com pesar, o falecimento do senhor Luís Alberto Maguito Vilela, às 4h10 desta quarta-feira. Maguito Vilela encontrava-se internado desde o dia 27 de outubro para tratamento da ”, informou o hospital em boletim.

Maguito foi diagnosticado com em 20 de outubro de 2020, durante o período de campanha eleitoral para a prefeitura da capital goiana. Uma semana depois, Maguito já tinha 75% de inflamação nos pulmões.

Segundo publicado na CNN Brasil, a família está providenciando o traslado do corpo de São Paulo para Goiás e ele deve ser sepultado em Jataí, sua terra natal.

 

Prefeito de Goiânia morre após quase 3 meses internado com Covid-19
Mais notícias