Brasil

Inscrições para o Sisu 2021 deverão ser feitas pela internet entre os dias 6 e 9 de abril

As inscrições para o processo seletivo do Sisu (Sistema de Seleção Unificada), no 1° semestre de 2021, ocorrerão entre os dias 6 e 9 de abril. As datas foram publicadas pelo MEC (Ministério da Educação), nesta quinta-feira (11), no Diário Oficial da União. As inscrições serão realizadas de forma online e devem ser feitas, exclusivamente, […]

Gabriel Neves Publicado em 11/02/2021, às 11h08

Imagem ilustrativa. (Foto: Reprodução/Marcello Casal Jr/Agência Brasil)
Imagem ilustrativa. (Foto: Reprodução/Marcello Casal Jr/Agência Brasil) - Imagem ilustrativa. (Foto: Reprodução/Marcello Casal Jr/Agência Brasil)

As inscrições para o processo seletivo do Sisu (Sistema de Seleção Unificada), no 1° semestre de 2021, ocorrerão entre os dias 6 e 9 de abril. As datas foram publicadas pelo MEC (Ministério da Educação), nesta quinta-feira (11), no Diário Oficial da União.

As inscrições serão realizadas de forma online e devem ser feitas, exclusivamente, na página do Sisu, que pode ser acessada clicando aqui.

Para participar do processo é exigido que o candidato tenha realizado o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) de 2020 e obtido nota superior a zero na prova de redação, além de não ter realizado a prova na condição de treineiro.

Conforme o ministério, o resultado da chamada será publicado no dia 13 de abril. O período para que o candidato selecionado efetue a matrícula ou o registro acadêmico será entre os dias 14 e 19 de abril.

Aqueles que não forem selecionados na chamada única poderão disputar as vagas através da lista de espera, onde o aluno pode se inscrever entre os dias 13 e 19 de abril.

Adesão das instituições

Nesta segunda-feira (12), se encerra o prazo das instituições públicas de educação superior aderirem ao primeiro processo seletivo do Sisu em 2021.

O MEC alega que é de exclusiva responsabilidade da instituição participante do Sisu descrever, no documento de adesão, as condições específicas de concorrência às vagas por ela ofertadas no âmbito do Sisu.

Após o período de adesão, as instituições terão de 17 a 23 de fevereiro para retificar, se for o caso, as informações constantes nos documentos de adesão, que deverão ser encaminhados ao MEC, exclusivamente, por meio do sistema de gestão do Sisu, no endereço eletrônico: http://sisugestao.mec.gov.br.

Ao aderir ao Sisu, as instituições públicas de educação superior assumem um papel fundamental para essa política pública de universalização à educação superior, desenvolvida pela Secretaria de Educação Superior do MEC.

Jornal Midiamax