Fiocruz acredita que insumos para produção da vacina de Oxford chegarão dia 9 de fevereiro

Essa matéria-prima será para produção de 7,5 milhões de doses.

Com praticamente um mês de atraso, insumos para fabricação da vacina da universidade de , em parceria com a farmacêutica da Índia, AstroZeneca estão previstos para chegar no Brasil no dia 8 de fevereiro. Essa matéria-prima será para fabricação de novas 7,5 milhões de doses dos imunizantes.

Essa informação foi divulgada pela Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz), e esta afirmou que há sinalização que os materiais cheguem nesta data. Os insumos necessários para fabricação da vacina são chamados de IFA (Ingrediente Farmacêutico Ativo).

A data ainda não está confirmada, pois depende da liberação de aval das autoridades chinesas para que seja exportado.

Atrasada desde o começo de janeiro

A previsão para entrega destes insumos era para o dia 9 de janeiro, no aeroporto do Galeão, zona norte do Rio de Janeiro, era o que dizia a Fiocruz.

Com essa chegada, a fundação previa produzir 30 milhões de doses até o final de fevereiro. Até o momento, por conta do atraso, a Fiocruz não sabe quando entregará novas doses e nem a quantidade.

Em nota, a Fiocruz explica o esforço institucionais: “”minimizar o impacto sobre o cronograma de produção da Fiocruz com a não confirmação, até a presente data, da chegada do IFA”.

Fiocruz acredita que insumos para produção da vacina de Oxford chegarão dia 9 de fevereiro
Mais notícias