Lula: Bolsonaro é filho do Moro, e não o Moro cria do Bolsonaro

Petista usou o Twitter para chamar presidente e ex-ministro de bandidos

O ex-presidente Lula usou sua conta no Twitter para atacar o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e o ex-ministro da Justiça, Sérgio Moro, na esteira da demissão do ex-ministro, que causou uma crise política em Brasília e um forte impacto no mercado financeiro.

“Não pode haver inversão da história. O Bolsonaro é filho do Moro, e não o Moro cria do Bolsonaro. Nessa disputa toda, os dois são bandidos, mas é o Bolsonaro que é a cria e não o contrário. E os dois são filhos das mentiras inventadas pela Globo”, tuitou o petista na tarde deste sábado (25).

Desde que começou a ser investigado pela Operação Lava Jato, conduzida à época por Moro, Lula tem sustentado ser vítima de uma perseguição encabeçada pelo juiz para prendê-lo sem provas e impedi-lo de disputar a presidência contra Bolsonaro, nas eleições de 2018.

Para lideranças petistas, as ações do juiz no comando da Polícia Federal abriram caminho para a eleição de Bolsonaro, uma vez que Lula, acusado de corrupção, foi impedido pela Lava Jato de disputar a presidência. Entre petistas, há a suspeita que Moro já almejava cargos no governo sucessor de Michel Temer.

 

Lula: Bolsonaro é filho do Moro, e não o Moro cria do Bolsonaro
Mais notícias