Brasil

Dólar sobe forte, vai a R$ 5,70 e bate novo recorde de fechamento

O dólar voltou a fechar em forte alta nesta quarta-feira (6), e bateu mais um recorde de cotação nominal (sem considerar a inflação), fechando no patamar de R$ 5,70 pela primeira vez. A alta veio em dia de definição da nova taxa básica de juros do país, atualmente em 3,75%, e após a agência de […]

Agência Estado Publicado em 06/05/2020, às 16h45

(Reprodução)
(Reprodução) - (Reprodução)

O dólar voltou a fechar em forte alta nesta quarta-feira (6), e bateu mais um recorde de cotação nominal (sem considerar a inflação), fechando no patamar de R$ 5,70 pela primeira vez. A alta veio em dia de definição da nova taxa básica de juros do país, atualmente em 3,75%, e após a agência de classificação de risco Fitch revisou a perspectiva da nota de crédito do Brasil para negativa.

A moeda encerrou o dia em alta de 1,96%, vendida a R$ 5,7030. Na máxima ao longo do dia, chegou a R$ 5,7065. Veja mais cotações.

A cotação de fechamento mais alta até esta quarta havia sido registrada na semana passada, quando a moeda encerrou o dia a R$ 5,65. Na parcial da semana e do mês, a alta acumulada é de 4,84%. No ano, o avanço é de 42,23%.

Já o dólar turismo bateu R$ 5,9040, sem considerar o IOF.

Jornal Midiamax