Com tiros e explosões, assaltantes roubam bancos em Botucatu e ferem 2 policiais

Integrantes da quadrilha ainda não foram presos e incendiaram carro e caminhão para impedir acessos

Na madrugada desta quinta-feira (30) uma quadrilha com cerca de 40 assaltantes roubou bancos na cidade de Botucatu, distante 240km da capital paulista. Os ladrões, que estavam fortemente armados e usavam coletes à prova de balas, trocaram tiros com policiais militares, e dois deles ficaram feridos.

Segundo informações do portal de notícias UOL, durante a ação os criminosos atacaram pelo menos três agências bancárias e, de acordo com relato de testemunhas, houve troca de tiros, além de moradores feitos reféns. Houve também incêndio em um dos bancos devido ao uso de explosivos.

Antes de entrarem nas agências, os assaltantes renderam um caminhoneiro e colocaram fogo no veículo, na rodovia Marechal Rondon, por volta das 23h. O caminhão foi usado para impedir a passagem de acesso aos locais dos roubos.

Após isso, dois carros foram abandonados em frente ao batalhão da Polícia Militar da cidade. Um deles também foi queimado para evitar que os policiais conseguissem sair da unidade. Viaturas de outras regiões foram acionadas e houve troca de tiros entre policiais e criminosos. A corporação confirmou que dois PMs ficaram feridos, mas não informou o número de reféns e de valores roubados.

Em nota, a Prefeitura de Botucatu pediu que os moradores da cidade “permaneçam em suas casas e não procurem possíveis pontos danificados pela cidade. [A medida é] para que isso não coloque em risco a segurança de todos e não interfira no trabalho das forças de segurança”.

Os assaltantes estão foragidos e policiais militares da Rota (Rondas Ostensivas Tobias de Aguiar), tropa do 1º Batalhão de Policiamento de Choque de São Paulo, e policiais civis do GOE (Grupo de Operações Especiais) foram acionados para auxiliar nas buscas.

(Com informações de UOL Notícias)

Com tiros e explosões, assaltantes roubam bancos em Botucatu e ferem 2 policiais
Mais notícias