País tem maior número de queimadas em 7 anos

Foram registrados 71.497 focos - alta de 82% em relação ao mesmo período do ano passado

O número de focos de queimadas no País já é o maior dos últimos sete anos. De 1º de janeiro a este domingo, foram registrados 71.497 focos – alta de 82% em relação ao mesmo período do ano passado.

O recorde anterior era de 2016, com 66.622 registros no mesmo período. Os dados são do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe). Depois do Amazonas, o governo do Acre declarou, na sexta, estado de alerta ambiental por causa de incêndios em matas.

No Brasil, o estado líder em queimadas é o Mato Grosso, com 13.641 focos. No mesmo período do ano passado, foram 7.220 focos, ou seja, houve alta de 88%. Em segundo lugar vem o Pará, com 9.009 focos neste ano até domingo, alta de 188% em relação ao ano passado, quando o período teve 3.126 focos. Amazonas observa uma alta de 147 % no número de focos – 6.923 até este domingo, ante 2.800 no mesmo período de 2018. Rondônia apresenta 5.512 focos, ante 1.848 no ano passado – alta de 198%.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Mais notícias