Notícias de Mato Grosso do Sul e Campo Grande

Cientista é devorada viva por crocodilo de 5 metros

Outaside

Deasy Tuwo, de 44 anos, estava alimentando Merry, um crocodilo de 5 metros de comprimento. A cientista estava por cima de uma parede de concreto, de mais de 2 metros de altura, em um centro de pesquisas de Sulawesi, no norte da Indonésia, quando o animal avançou contra a cientista e conseguiu puxá-la para dentro do cercado.

Colegas de Deasy afirmaram para a mídia local notaram que o animal tinha partes do corpo dela na boca.

Uma equipe do Corpo de Bombeiros foi ao local para recuperar o corpo mutilado de Deasy. Acredita-se que o crocodilo não tenha comido todo o corpo porque já estava com o estômago cheio.

Merry só foi capturado na segunda-feira. O animal foi enviado a um laboratório para a realização de testes.

O caso foi noticiado ontem, segunda-feira (14), pelo Jornal inglês The Sun.

Comentários
Carregando...