Líder da oposição e mais de 1.600 pessoas são presas em protesto na Rússia

O principal oposicionista ao governo de Vladmir Putin, Alexei Navalny, e mais de 1.600 pessoas foram presas na nesse sábado (05). As prisões aconteceram durante manifestações por todo o país contra o governo russo, dois dias antes da posse de Putin para seu quarto mandato presidencial.

Navalny convocou manifestações por todo país, entretanto as autoridades não autorizaram os protestos, Navalny foi preso assim que chegou ao protesto da capital, Moscou.

Segundo informações do portal Exame, o opositor, Navalny, não conseguiu se candidatar nas eleições presidenciais que ocorreram em março em decorrência de uma condenação judicial. Segundo ele a condenações é política e teve como objetivo tirá-lo das eleições.

Os milhares de manifestantes e reuniram no sábado (05) por toda a com lemas de ordem “ Abaixo o Czar” e “A será livre”.

Foto - Stringer/Reuters
Líder da oposição e mais de 1.600 pessoas são presas em protesto na Rússia
Mais notícias