Notícias de Mato Grosso do Sul e Campo Grande

Governo brasileiro afirma que com presos políticos eleição na Venezuela não tem legitimidade

Brasil ainda lamenta a falta de separação dos poderes no país

Em nota emitida à imprensa nessa segunda-feira (21), o governo brasileiro lamento as eleições venezuelanas, afirmando que, o país possui numerosos presos políticos no momento, impedindo que o processo eleitoral de domingo (20) possua legitimidade.

“Nas condições em que ocorreu – com numerosos presos políticos, partidos e lideranças políticas inabilitados, sem observação internacional independente e em contexto de absoluta falta de separação entre os poderes – o pleito do dia 20 de maio careceu de legitimidade e credibilidade”, afirmou o governo brasileiro.

Ainda em nota, o governo brasileiro afirma que irá trabalhar para ajudar a restabelecer a democracia na Venezuela e “mitigar os efeitos da crise humanitária”, se referindo a entrada de imigrantes venezuelanos no país.

Você pode gostar também