Em depoimento, motorista envolvido em acidente fatal em Dourados assume que bebeu antes de colisão

Motociclista colidiu na lateral do carro e morreu no local

O motorista do Fiat Pálio, de 27 anos, envolvido no acidente que resultou na morte da motociclista Osana Araújo Bernardo, de 31 anos, relatou durante depoimento à Polícia Civil ter ingerido bebida alcoólica horas antes da tragédia, ocorrida às 17h59 de sábado (23).

De acordo com o site Dourados News, o homem seguia em um Fiat Pálio pela Rua Monte Alegre no sentido centro-bairro quando fechou a motocicleta que trafegava no sentido contrário, ao fazer uma conversão à esquerda, para entrar na Rua Maria da Glória.

Osana pilotava uma moto Honda CG-150 cilindradas e não teve tempo suficiente para frear ou desviar. De frente, ela colidiu contra a lateral direita do carro.

Com o violento impacto, ela morreu no local, antes mesmo da chegada de equipe do 2º GBM (Grupamento de Bombeiros Militar). Ainda segundo a imprensa local, Daniel saiu do carro e foi em direção à vítima e por ter permanecido no local e acionado o socorro, ele foi liberado após prestar depoimento.

Foi no relato à polícia que o motorista informou ter ingerido três garrafas de cerveja às 16h, horas antes do acidente. Ele deve ser indiciado por homicídio culposo, quando não há intenção de matar.

DouradosHomicídioHomicídio CulposomorteMotociclistaPolícia Civil