Acusado de tentar matar suposto amante da mulher a tiros no Centenário é condenado a 8 anos

Nesta quarta-feira (3), foi condenado Rafael Ribeiro Rodrigues, 30 anos, acusado de tentativa de homicídio contra suposto amante da mulher dele. O crime aconteceu em fevereiro de 2016, no Jardim Centenário, em Campo Grande. Conforme a denúncia, naquele dia 14 de fevereiro de 2016, por volta das 10 horas, Rafael atirou contra a vítima na […]

Renata Portela Publicado em 03/03/2021, às 14h00 - Atualizado às 14h24

(Arquivo, Midiamax) - (Arquivo, Midiamax)
Ele suspeitava de um relacionamento entre os dois

Nesta quarta-feira (3), foi condenado Rafael Ribeiro Rodrigues, 30 anos, acusado de tentativa de homicídio contra suposto amante da mulher dele. O crime aconteceu em fevereiro de 2016, no Jardim Centenário, em Campo Grande.

Conforme a denúncia, naquele dia 14 de fevereiro de 2016, por volta das 10 horas, Rafael atirou contra a vítima na Rua Moçambique. O homem sofreu ferimentos, foi socorrido e sobreviveu. Nas investigações policiais, foi apurado que Rafael praticou o crime por vingança.

Isso, porque o réu acreditava que a vítima mantinha um relacionamento com a mulher dele. No dia do crime, Rafael estava de motocicleta quando passou pelo homem, que estava sentado na varanda de casa. Ele parou a moto, desceu e atirou. Aproximadamente três anos após o crime, o réu foi denunciado.

Em júri popular nesta quarta-feira, presidido pelo juiz Aluizio Pereira dos Santos, Rafael foi condenado pela tentativa de homicídio e deve cumprir 8 anos em regime fechado.

Homicídio Júri Tentativa de Homicídio Denúncia Santos