PMA autua infrator em R$ 4 mil por desmatamento de vegetação nativa

Uma equipe da Polícia Militar Ambiental de Coxim realizou vistorias em  propriedades rurais no município e localizou uma área desmatada ilegalmente. Os trabalhos aconteceram ontem (20) à tarde, quando os Policiais realizavam fiscalização, com uso de drone e verificaram uma área de pastagem em meio à vegetação e as casas da sede de uma fazenda.

De acordo com a polícia, ao avistar o desmatamento com o drone, a equipe foi à sede da propriedade e verificou que não havia licença ambiental. Na tomada de medida com uso de GPS verificaram-se 4 hectares destruídos. A madeira resultante da atividade ilegal não estava no local e já havia pastagem e criação de gado na área.

A área desmatada inicial foi para a construção da sede da fazenda, que fora adquirida há pouco tempo pelo infrator, porém, ele desmataria outras áreas, pois os Policiais encontraram um correntão (corrente utilizada para grandes desmatamentos com máquinas) escondido na mata e que seria utilizado na destruição de mais vegetação.

O infrator (52), residente em Pedro Gomes, foi autuado administrativamente e multado em R$ 4.000,00. O autuado também responderá por crime ambiental, que prevê pena de três a seis meses de detenção. Além disso, foi notificado a apresentar um Plano de Recuperação da Área Degradada e Alterada (PRADA) junto ao órgão ambiental estadual.

apreensão pmaPMAPMA (Polícia Militar Ambiental)