Motociclista tem fratura exposta após ser atingido por motorista sem CNH em rotatória

O autor apresentou uma licença para aprendizagem de direção veicular

Um motociclista de 48 anos teve fratura exposta após se envolver em um acidente na Avenida Hiroshima no Jardim Carandá Bosque em Campo Grande, na tarde desse sábado (25). O autor, o motorista de um Fiat Doblo não possuía CNH (Carteira Nacional de Habilitação).

Conforme informações policiais, o motociclista conduzia a moto pela Rua Luiz Felipe Cesar Oliva, e o condutor seguia pela Avenida Hiroshima, quando na rotatória houve a colisão lateral entre os veículos.

Com o impacto da batida, o condutor da moto teve fratura exposta e foi encaminhado pelo Corpo de Bombeiros até a Santa Casa. O autor informou que não possui CNH e apresentou uma licença para aprendizagem de direção veicular.

De acordo com o registro policial, o autor disse que era habilitado na categoria AB, porém o Detran lhe informou que a CNH seria cassada quando o documento vencesse em dezembro de 2019, pois o mesmo foi notificado no período que o documento era de permissão. Diante da informação, o autor iniciou um novo processo de habilitação.

Os veículos do acidente foram liberados para familiares. O autor fez o teste de bafômetro que não constatou consumo de álcool. Ele foi encaminhado para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Centro para as providencias.

Acidenteacidente carro e motocampo grandeCarro e motorotatóriatransito