´Dancidades´ faz espetáculos de dança gratuitos neste fim de semana

O evento contará com apresentações gratuitas de dois espetáculos de dança: ´Difícil não dançar´ e ´R.U.I.A – Realidade Ultra-Sônica de Invasão Aleatória´.

A primeira etapa da 4ª edição do ´Dancidades – Dança e Cidadania´ acontece neste fim de semana a partir da sexta-feira (20) a domingo (22). Além de curso e oficina, o evento traz apresentações de espetáculos de dança. Na sexta, às 20 horas, a artista Jussara Miller, de São Paulo , apresenta o espetáculo ´Difícil não dançar´, na Sala de Música do SESC Cultura.

E no sábado (21), às 16h30, a Cia Dançurbana, de MS, apresenta ´R.U.I.A – Realidade Ultra-Sônica de Invasão Aleatória´, no ATRIO SESC Cultura. O projeto está sendo desenvolvido com o financiamento do Fundo Municipal de Investimento Cultural (FMIC) 2018, da Prefeitura Municipal de Campo Grande, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Sectur).

Com o olhar sobre os temas ´metodologia do ensino da dança´, ´dramaturgia e modos de criação em dança´ e ´gestão e sustentabilidade´ a proposta do Dancidades é fomentar a capacitação, o aperfeiçoamento e aprimoramento profissional de bailarinos, coreógrafos e arte educadores. Ao mesmo tempo, o projeto busca incentivar a apreciação e difusão da dança, por meio de apresentações de espetáculos para o grande público.

´Difícil não dançar´

´Difícil não dançar´ é uma improvisação de dança com Jussara Miller em diálogo com as provocações musicais de Christian Laszlo. A bailarina Jussara Miller pesquisa a técnica Klauss Vianna de dança e educação somática e pauta-se, neste trabalho, em um dos procedimentos de sua pesquisa: a improvisação cênica a partir do estado de presença que é priorizado durante toda a dança, afirmando a processualidade do corpo que dança ao vivo. A trilha sonora emerge da improvisação de Christian Laszlo que parte de um ecletismo musical com variadas vertentes de gêneros, texturas e vibrações musicais para provocar a potência dançante da bailarina, preenchendo a cena com uma paisagem sonora coerente com o diálogo construído no mo(vi)mento presente.

´R.U.I.A – Realidade Ultra-Sônica de Invasão Aleatória´

(Divulgação, VacaAzul)

´R.U.I.A – Realidade Ultra-Sônica de Invasão Aleatória´ aleatoriamente invade o recreio da escola, as brincadeiras e jogos da infância. O espetáculo é voltado para crianças de 7 a 14 anos, período marcado pelo desenvolvimento das relações sociais, da memória cronológica, da compreensão da ligação entre causa-efeito, entre outros. Em cena os seis intérpretes-criadoras Adailson Dagher, Irineu Júnior, Jackeline Mourão, Lívia Lopes, Reginaldo Borges e Thiago Mendes (incansáveis brincantes), utilizam estímulos e objetos que são ressignificados e reinventados.

Os ingressos são gratuitos para os dois espetáculos e serão disponibilizados 30 minutos antes do horário de cada sessão. A distribuição será feita por ordem de chegada.

Mais informações pelas fanpages www.facebook.com/dancidades/ e www.facebook.com/aradocultural/, pelo telefone (67) 99287-6433 ou pelo email contato.aradocultural@gmail.com.

Programação

20 de setembro
Atividade: Apresentação do espetáculo ´Difícil não dançar´ com Jussara Miller.
Horário: 20 horas.
Local: Sala de Música do SESC Cultura.

21 de setembro
Atividade: Apresentação do espetáculo ´R.U.I.A – Realidade Ultra-Sônica de Invasão Aleatória´ com a Cia Dançurbana.
Horário: 16h30.
Local: ATRIO SESC Cultura.

DançaeventoJussara MillerSesc