Karol Conká é considerada arrogante e prepotente por ex-BBBs de MS

As atitudes de Karol Conká, desde que entrou no Big Brother Brasil 21 estão gerando polêmicas fora da casa. Por conta da atitude da cantora com Lucas Penteado, os internautas fizeram uma mobilização para pedir a expulsão da sister. Desde mau hálito até sobre a fé do ator, Conká tenta supostamente humilhar o brother o […]

Bruna Vasconcelos Publicado em 02/02/2021, às 17h43 - Atualizado em 03/02/2021, às 07h55

-
Ex-participantes repudiam comportamento de Curitibana

As atitudes de Karol Conká, desde que entrou no Big Brother Brasil 21 estão gerando polêmicas fora da casa. Por conta da atitude da cantora com Lucas Penteado, os internautas fizeram uma mobilização para pedir a expulsão da sister. Desde mau hálito até sobre a fé do ator, Conká tenta supostamente humilhar o brother o tempo todo.

Alguns dos ex-BBBs de Mato Grosso do Sul que marcaram o programa também estão desaprovando o comportamento da artista. Priscila Pires, participante da edição de 2009, conquistou o 2 lugar na final. Atualmente no comando do quadro “Na Hora da Venenosa”, na Record TV, a ex-participante garante que está com a opinião dos internautas. Para ela, Conká como “empoderada e militante” esqueceu de também ser humana e ter humildade.

“Muito triste ver essa arrogância e maus tratos ao próximo”.

A artista também acredita que a confinada está praticando violência psicológica e moral contra Lucas Penteado, conforme acusação de muitos internautas.

“Lutamos tanto para acabar com isso, e ela sabe da seriedade desta luta e vai e faz exatamente o que repudiamos”.

Na análise da vice-campeã de 2009, as atitudes de Karol podem ser cruciais para que ela seja eliminada quando for para o paredão, tudo porque tem uma postura que todos têm pavor e repudiam.

“Mas agora parece que foram falar com a psicóloga e ela está se fazendo de boa moça, pedindo desculpas e tal. Eu, sinceramente, não caio nesse golpe. O mundo está invertido e realmente é triste, pois queremos oferecer um mundo melhor aos nossos filhos”.

Opinião de reprovação também compartilhada por Ilmar, conhecido como Mamão, e participante do BBB17. Na edição onde o advogado sul-mato-grossense estava confinado, o participante Marcos Harter foi expulso por indícios de agressão a Emilly Araújo, com quem teve um romance durante o programa. Mamão acredita que Karol Conká passou dos limites em suas atitudes, tanto com Lucas quanto com Juliette.    

“O Lucas pode ter errado, mas ela  não pode fazer o que está fazendo, já que suas atitudes está beirando ao ódio. E o pior é criar um delírio coletivo de todos os participantes contra os dois. Sei que o jogo é primordialmente um jogo de estratégias, resistência física e psicológica. Para mim acredito que as declarações e atitudes da Karol Conká é na verdade o que ela é aqui fora, arrogante, prepotente e precisa diminuir outras pessoas para se sentir melhor que outras pessoas.”

Apesar de afirmar o comportamento prepotente da curitibana, o ex-brother e advogado não está convicto se configura crime.

“Não sei se configura violência psicológica, mas as atitudes dela passou dos limites da racionalidade e de humanidade.”

Ainda sobre uma possível expulsão da rapper, Mamão é enfático.

“A expulsão ocorre somente se um jogador ou jogadora praticar agressão física. Sou contra a expulsão dela, quero ver ela indo para um paredão e sair com a maior rejeição da história do BBB.”

 

 

Mato Grosso do Sul Golpe Record Priscila Pires mid1