Miriane realizou sonho da maternidade, mas não consegue voltar a sorrir

Jovem perdeu todos os dentes depois de tomar remédios após acidente

Durante muito tempo, Miriane Zebalho Martins sonhou em ser mãe. O destino mudou o rumo de seus planos quando, em 2011, ela foi atropelada e passou a tomar remédios fortes que atingiram, não só seu organismo, mas também enfraqueceram seus dentes. Cerca de um ano depois do acidente, a jovem, de 27 anos, descobriu que carregava no ventre o tão esperado bebê.

Os remédios tomados após o atropelamento, que resultou em fraturas na bacia e pernas, deixaram marcas que impossibilitaram que a gestação ocorresse tranquila. O pequeno Anthonny Marcelo tentou nascer antes do tempo e, com 3 meses de gravidez, novamente Miriane viu sua vida ser dividida entre casa e hospital.

A rotina de remédios, consultas médicas e medo de perder o bebê perduraram até setembro de 2015 quando Anthonny veio ao mundo. A alegria de ter o tão esperado filho nos braços era contida pelo sorriso envergonhado de uma boca com dentes fracos e esfarelados por conta dos antibióticos.

A criança nasceu com TEA (Transtorno do Espectro Autista) e, durante uma das crises, acabou atingindo a boca da mãe, que perdeu todos os dentes. A partir daí, os dias da dona de casa se tornaram menos alegres. Sem dinheiro, ela precisou fazer bicos de doceira para conseguir uma consulta com o dentista e fazer um orçamento para arrumar o sorriso. O valor ficou em R$ 2.300, mas ela não tinha como levantar o montante.

Vida mais doce

Há cerca de um ano, Miriane fez uma sobremesa para uma cliente e recebeu uma chuva de elogios. A mulher garantiu que, se a dona de casa fizesse doces em potes para vender, certamente ganharia muito dinheiro. Mesmo sem liquidificador e batedeira, ela acreditou no seu potencial e resolveu colocar a mão na massa.

A produção, ainda que escassa, é da onde a dona de casa tira a renda para sustentar a família. O sonho de conseguir o dinheiro para voltar a sorrir é o combustível para que ela se desdobre e ofereça as sobremesas nas redes sociais e boca em boca.

Miriane fabrica desde cones trufados até churros e pavês no pote. Os valores dependem da sobremesa, mas não ultrapassam a casa dos R$ 12. Quem quiser fazer encomendas ou doação de eletrodomésticos pode entrar em contato com a doceira pelo 9 91459136.

AtropelamentoChuvaDoação de Campanhamid1OrçamentosobremesaViolência Contra a Mulher