Após Anvisa aprovar biossegurança, blogueira famosa faz pescaria em Corumbá

Corumbaenses estranharam, mas turismo está liberado com normas

A digital influencer Thássia Neves publicou uma série de stories no Instagram, neste domingo (5), para compartilhar a pescaria anual da família, em Corumbá, a 420 quilômetros de Campo Grande. Através da rede social, Thássia gravou vídeos no aeroporto da cidade e embarcou no evento familiar.

A influenciadora justificou a visita à Corumbá, seguindo os protocolos de saúde pré-estabelecidos pela Secretaria de Saúde e meio a crescente de casos de coronavírus no estado de MS, para os seguidores através dos Stories do Instagram.

“Eu passei para contar pra vocês que hoje vai começar a pescaria do meu pai. Claro, que de uma forma reduzida só a família mesmo, que seguia o isolamento de forma responsável, e alguns amigos, amigos muito íntimos. E a pescaria ta acontecendo com a liberação da Anvisa e do ‘Ministério da Saúde de Corumbá'”. Posteriormente, ela corrigiu a informação, dizendo que a liberação era da Secretaria de Saúde de Corumbá.

Liberado com normas

Apesar de moradores estranharem a situação, está em vigência decreto municipal liberando a atividade, desde que seguida uma série de normas. Segundo a operadora de turismo responsável pela viagem da blogueira, foi seguido o plano de contingenciamento definido pela Anvisa, Secretaria Municipal de Saúde, Agência Nacional de Transportes Aquaviários e Associação Corumbaense das Empresas Regionais de Turismo.

A empresa contratada por Thássia reitera que os cuidados começam antes dos tripulantes embarcarem. Os turistas e seus pertences passam por uma barreira sanitária ao chegarem ao Porto de Corumbá, assim como a própria tripulação do barco. São medidas e registradas a temperatura e oximetria dos mesmos durante toda a viagem. Dentro da embarcação placas e lembretes alertam para as medidas de biossegurança como o uso de álcool em gel e EPIs, além da presença de barreiras de proteção acrílica.

Ainda de acordo com a empresa, a blogueira não circulou pela cidade, veio de avião particular e não se hospedou em Corumbá.

(Matéria atualizada para correção de informações)

AnvisaaviãoBarreira SanitáriaBlogueiraCoronavírusInstagrammid1Ministério da SaúdeMSpescaPrefeitura de Campo GrandeRede SocialSaúdeturismoturistasviagem