Resolução prevê jornada presencial em unidades escolares de Campo Grande; confira

A Semed (Secretaria Municipal de Educação) editou resolução estabelecendo jornada especial nas escolas da Reme (Rede Municipal de Ensino). Agora, o atendimento ao público será das 7h30 às 13h30, mas haverá servidores também das 11h30 às 17h30. Segundo o documento, a jornada de trabalho dos servidores administrativos é de seis horas diárias, de segunda a […]

Mayara Bueno Publicado em 11/02/2021, às 11h50

Escolas municipais podem voltar a receber alunos ainda no 1º semestre do ano. (Foto: Henrique Arakaki, Midiamax) - Escolas municipais podem voltar a receber alunos ainda no 1º semestre do ano. (Foto: Henrique Arakaki, Midiamax)
Equipes deverão ser separadas em dois turnos e atendimento ao público será permitido das 7h30 às 13h30

A Semed (Secretaria Municipal de Educação) editou resolução estabelecendo jornada especial nas escolas da Reme (Rede Municipal de Ensino). Agora, o atendimento ao público será das 7h30 às 13h30, mas haverá servidores também das 11h30 às 17h30.

Segundo o documento, a jornada de trabalho dos servidores administrativos é de seis horas diárias, de segunda a sexta-feira. Por turno, deverão ficar apenas 10 servidores. “As unidades escolares que ultrapassarem o número máximo de servidores administrativos em um turno, deverão funcionar em dois turnos de trabalho, para que seja diminuído o fluxo de pessoal”.

No período em que as duas turmas se encontrarem, das 11h30 às 13h30, deverá ser adotado distanciamento, além de outras medidas de biossegurança, como higienização das mãos e uso de máscaras.

Grupo de risco

Os servidores que já apresentaram documentos que comprovem grupo de risco ficam dispensados de enviarem novamente. Há também, a partir da resolução divulgada nesta quinta-feira, a possibilidade de retorno presencial. Neste caso, os funcionários terão de assinar documento, que está em anexo no Diogrande, no qual solicitará o trabalho nas estruturas físicas.

Já os professores readaptados deverão cumprir a jornada de concurso de forma presencial, na unidade escolar e conforme o turno de lotação. Os coordenadores pedagógicos e os especialistas em educação cumprirão jornada de seis horas, também presencial. Diretores, diretores-adjuntos e secretários escolares, terão de trabalhar oito horas por dia.

Confira a resolução na íntegra a partir da página 4 do Diogrande, clicando aqui.

Diogrande Professores Semed REME grupo de risco