MS registra 189 casos novos de dengue em 7 dias e aumenta incidência da doença

Na última semana, MS registrou 189 casos novos de dengue. Assim, são 892 casos confirmados espalhados pelos municípios de MS até esta quarta-feira (3).

Dândara Genelhú Publicado em 03/03/2021, às 17h28

Larvas do mosquito Aedes Aegypti. Foto: Leonardo de França | Midiamax. - Larvas do mosquito Aedes Aegypti. Foto: Leonardo de França | Midiamax.
No total são 892 casos confirmados em MS e o primeiro óbito causado pela doença já foi confirmado pelo Estado

Na última semana, Mato Grosso do Sul registrou 189 casos novos de dengue. Assim, são 892 casos confirmados espalhados pelos municípios de MS até esta quarta-feira (3). Então, a incidência da doença no Estado foi para 127 casos a cada 100 mil habitantes.

De acordo com o boletim epidemiológico, publicado pela SES (Secretaria de Estado de Saúde), existem 3.567 casos prováveis em MS. Apenas nos últimos sete dias, foram 671 novas notificações no Estado.

Em menos de dois meses de 2021, MS atingiu média incidência da doença. Na última quarta-feira (24), foram registradas 931 notificações de dengue no Estado, dia em que alcançou a bandeira amarela.

Além disto, MS possui nove municípios com alta incidência de dengue. O cenário mais grave é em Antônio João, que possui 1,6 mil possíveis casos para cada 100 mil habitantes. Em Camapuã, são 1,3 mil casos para a mesma quantidade de moradores.

Ladário e Selvíria estão com mil prováveis casos para cada 100 mil moradores. Outras 11 cidades estão com média incidência de dengue e 45 permanecem com baixa taxa.

Assim, os casos estão espalhados por 65 cidades de MS. Até esta quarta-feira (3), Três Lagoas é o município que mais concentra confirmações da doença, são 243. Com 175 infectados, Corumbá é o segundo com mais número de ocorrências.

Em Campo Grande, são 116 casos confirmados e 105 em Rio Brilhante. Outros municípios registraram menos de 50 infectados por dengue.

Por fim, MS registrou a primeira morte causada por dengue em 17 de fevereiro. A primeira vítima fatal da dengue no Estado é um homem de 66 anos de idade e que tinha registro de comorbidades. Ele era morador de Dourados, a maior cidade do interior a 229 km de Campo Grande.

Mato Grosso do Sul Dengue Boletim Epidemiológico notificações morte Dourados SES