Com bandeira vermelha, Camapuã amplia toque de recolher

A prefeitura de Camapuã, cidade no nordeste do Estado, ampliou o toque de recolher, que passa a começar a partir das 20h. O decreto foi publicado na edição desta quarta-feira (3) do Diário Oficial da Assomasul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul). Até o mês passado, a restrição de circulação se iniciava às […]

Adriel Mattos Publicado em 03/03/2021, às 14h47 - Atualizado às 14h51

Vista aérea de Camapuã. (Foto: Visual Massa/Reprodução) - Vista aérea de Camapuã. (Foto: Visual Massa/Reprodução)
Serviço de delivery deve terminar duas horas após início da restrição

A prefeitura de Camapuã, cidade no nordeste do Estado, ampliou o toque de recolher, que passa a começar a partir das 20h. O decreto foi publicado na edição desta quarta-feira (3) do Diário Oficial da Assomasul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul).

Até o mês passado, a restrição de circulação se iniciava às 22h, visando minimizar o avanço da pandemia de Covid-19. A medida vale até as 5h do dia seguinte. O serviço de delivery pode operar até as 22h.

Apenas trabalhadores de serviços essenciais ou cidadãos que precisam acessar esses serviços podem sair de casa nesse período.

Camapuã está com bandeira vermelha, conforme a última deliberação do Prosseguir (Programa de Saúde e Segurança na Economia), o que permite apenas atividades essenciais e não essenciais de baixo risco.

Segundo a SES (Secretaria de Estado de Saúde), a cidade tem 382 casos confirmados da doença causada pelo novo coronavírus e oito mortes. O hospital local tem apenas dois leitos clínicos.

Mato Grosso do Sul Assomasul Toque de Recolher Coronavírus Covid-19 Pandemia Prefeitura de Camapuã SES