Edital sobre ISSQN em Campo Grande prevê parcelamento em 12 vezes

Além de notificar contribuintes sobre lançamento do ISSQN (Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza), edital da Prefeitura de Campo Grande ‘avisa’ que imposto poderá ser pago em 12 parcelas. O documento refere-se a 2021 e está disponível para acesso no Diogrande (Diário Oficial de Campo Grande) clicando aqui (página 4). As correspondências com o total […]

Mayara Bueno Publicado em 08/12/2020, às 10h45

Central de Atendimento ao Cidadão (Foto: Marcos Ermínio, Midiamax, Arquivo). - Central de Atendimento ao Cidadão (Foto: Marcos Ermínio, Midiamax, Arquivo).
Documento foi publicado no Diário Oficial desta terça-feira

Além de notificar contribuintes sobre lançamento do ISSQN (Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza), edital da Prefeitura de Campo Grande ‘avisa’ que imposto poderá ser pago em 12 parcelas. O documento refere-se a 2021 e está disponível para acesso no Diogrande (Diário Oficial de Campo Grande) clicando aqui (página 4).

As correspondências com o total do imposto será entregue pelos Correios. Quem não receber até 15 de janeiro, primeiro vencimento, terá de ir na Central de Atendimento ao Cidadão, localizada na Rua Cândido Mariano, nº 2655, Centro, para solicitar a guia.

O mesmo pedido pode ser feito pelo telefone 156, das 7h30 às 19h30, ou acessar e emitir pelo site www.campogrande.ms.gov.br. Por conta da pandemia, o atendimento presencial é das 8 horas às 16 horas.

Segundo o edital, as 12 parcelas vão cair todo dia 15, a partir de janeiro até dezembro do ano que vem. Quando o vencimento cair em dia de feriado ou fins de semana, o pagamento será prorrogado para o primeiro dia útil subsequente. Também há possibilidade de pagamento à vista.

A Prefeitura de Campo Grande informa, ainda, que as contas de ISSQN terão a parte externa na cor verde. Na parte interna de guias de contribuintes em dia com os débitos inscritos na Dívida Ativa, a cor será verde clara. Salmão na parte interna para quem possui débitos.

Prefeitura de Campo Grande Diogrande Correios ISSQN Pandemia Mariano Feriado