Criatividade contra coronavírus: tapete artesanal desinfeta calçados em presídios de MS

Equipamento utiliza somente materiais recicláveis

Para reforçar a segurança contra o coronavírus, equipe do presídio Ricardo Brandão, em Ponta Porã, inventaram um equipamento para desinfetar sapatos, que são considerados por especialistas como transportes do vírus.

Trata-se de uma espécie de tapete de higienização, construído com materiais recicláveis. O material é banhado com água sanitária, garantindo assim que ninguém entre no estabelecimento sem matar o vírus.

O mecanismo foi feito com uma chapa de calha, coberta com tecido e bordas de madeira. A ideia foi bem aceita e já foi adotada nas penitenciárias de Dourados, no presídio feminino de Rio Brilhante e na Penitenciária de Três Lagoas.

coronavírusPrevenção