Acusado de matar menino em aniversário tem prisão decretada no RJ

Criança foi morta por disparo de arma de fogo

A Justiça do Rio de Janeiro decretou a prisão preventiva de Pedro Vinícius de Souza Pevidor, acusado de matar o menino Enzo dos Santos, de 4 anos, no domingo (7) no Rio de Janeiro. A criança foi morta por um disparo de arma de fogo durante sua festa de aniversário, em Piabetá, na Baixada Fluminense.

A decretação da prisão foi feita pelo juiz Ivo Martins Caruso D’ippolito durante audiência de custódia de Pevidor, que estava preso em flagrante desde o dia do crime.

A polícia investiga se o disparo foi acidental ou se houve intenção de matar a criança. Segundo a Justiça, a prisão de Pevidor é necessária por haver “periculosidade concreta do custodiado”, já que ele permaneceu portando uma arma de fogo municiada em uma residência onde havia diversas pessoas, entre elas crianças.

Audiência de CustódiaCrime Organizado