Por cortes no orçamento, sistema da Receita que emite CPF e processa restituições pode parar

Comunicado interno aponta que domingo (25) sistemas serão desligados

Os sistemas da Receita Federal que fazem os serviços de emissão de CPF (Cadastro de Pessoa Física), bem como processam as restituições de imposto de renda podem parar na semana que vem, devido à cortes no orçamento que afetaram o pagamento da empresa que efetua o serviço.

As informações são do jornal O Globo, que teria tido acesso a um comunicado interno que confirma o desligamento dos sistemas “em sua integralidade” já a partir do domingo (25). Os cortes no orçamento na pasta que administra a Receita Federal, o Ministério da Economia, são estimados em R$ 4,4 bilhões desde janeiro.

Com a interrupção dos sistemas, além da suspensão de emissão do CPF e do processamento das restituições, a Receita terá que suspender o envio de cartas de cobrança aos devedores e paralisar as operações de comércio exterior, conforme diria o comunicado interno. A interrupção também afeta a disponibilização de verbas para FPM (Fundos de Participação de Estados e Municípios).

CPFFPMReceita Federal