Você está aqui

Governo lança site para fomentar turismo em Mato Grosso do Sul

Agências de turismo ainda não conhecem

Com o objetivo de aumentar o número de turistas em Mato Grosso do Sul, o Governo do Estado lançou o site visitms.com.br durante a ABAV Expo Internacional de Turismo 2017, nesta quinta-feira (28). Entre conteúdos sobre os pontos turísticos sul-mato-grossenses, o portal tem uma área restrita dedicada para profissionais do turismo, entretanto algumas agências ainda não conheciam o recurso.

Segundo anunciado pela Semagro (Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar), a média anual de turistas que vem a Mato Grosso do Sul é de cerca de 800 mil turistas. A intenção do Governo é atrair 1 milhão de visitantes por ano.

“Temos o turismo como um meio de desenvolvimento e crescimento do Estado. Temos muitos roteiros turísticos e precisamos aproveitar esse potencial divulgando as belezas que o Mato Grosso do Sul oferece, principalmente no ecoturismo”, disse o governador Reinaldo Azambuja.

O site oferece diversos conteúdos sobre os pontos turísticos de Mato Grosso do Sul, dando ênfase para o Pantanal e a região da Serra da Bodoquena, incluindo Bonito. Passeios, eventos e outras informações estão disponíveis e é possível solicitar orçamentos. Ainda, há uma área reservada para acesso de profissionais de turismo, mediante cadastro.

Entretanto as agências de turismo ainda não estão a par da novidade. Sandra Fontoura, gerente da agência Premier, de Campo Grande, acessou o site no momento em que conversamos e acredita que deve ajudar. Rapidamente o cadastro foi realizado e, segundo ela, dá acesso a fotos de Campo Grande, Bonito e Pantanal. “Acabei de fazer o cadastro, foi super simples. Tem apenas fotos. Acho que ainda vão adicionais mais conteúdo e funções”, pondera. Para Sandra, o site precisa dar ênfase para outros pontos turísticos espalhados pelo Estado.

Adão de Almeida Cavalheiro, gerente da agência Bonitour, de Bonito, também não conhecia o site. E acredita que o site seja útil para atrair turistas, desde que seja bem divulgado. No entanto ele estranhou a possibilidade de solicitar orçamento. “Parece um site de compras, dá pra pedir orçamento. Quem vai enviar este orçamento? Se é institucional, vai enviar para todas as empresas?”, indaga. Além disso ele questiona o cadastro de profissionais. “Não solicitou nenhuma informação específica. Qualquer pessoa pode se cadastrar”, alerta.

“Site para promover venda é nossa obrigação (da agência). Acredito que sejam necessários sites institucionais falando das rotas de turismo e promoção de forma mais ampla a imagem do estado e não mostrar somente Bonito e o Pantanal. Lançaram agora, deve ter outras melhorias que serão incluídas”, analisa.

Divulgação

Para atrair mais turistas ao Estado, a campanha promocional tem foco em públicos específicos e divulgação massiva em mídias digitais, como redes sociais. “Trabalhamos cinco meses no nosso posicionamento de mercado, o que vamos comunicar, como e para quem. Definimos esse roteiro junto com uma agência de publicidade e retomamos a marca ‘Isso é Mato Grosso do Sul’, que é assinatura do turismo do nosso Estado, entendendo quais mercado que a gente iria trabalhar”, conta Bruno Wendling, diretor-presidente da Fundação de Turismo do Mato Grosso do Sul (Fundtur-MS).

Tópicos