Você está aqui

Prefeitura já arrecadou R$ 182,3 mi e quita dívida de Bernal em fevereiro

Folhas em atraso estão sendo pagas

Em nove dias a Prefeitura de Campo Grande arrecadou R$ 182,3 milhões somando IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano), ITBI (Imposto Sobre a Transmissão de Bens Imóveis), ISSQN (Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza). O montante será usado para quitar débitos deixados pela gestão passada como salários referentes a dezembro e 13º.

De acordo com o prefeito Marquinhos Trad (PSD) nesta quinta-feira (12) serão depositados R$ 20 milhões distribuídos entre os servidores referente ao 13º salário. Junto com a remuneração de fevereiro será pago o mesmo valor referente a segunda parcela da folha que deveria ser bonificação natalina garantida a todos os trabalhadores.

“Nós havíamos cogitados pagar em seis parcelas, mas em fevereiro vamos quitar todos os débitos da gestão passada”, disse. Ele detalhou tudo que já saiu do caixa do Executivo nos primeiros dias de administração. Em 3 de janeiro foram pagos R$ 460,7 mil referente ao restante da folha do pessoal da saúde.

No dia 6 foram mais R$ 60,1 milhões para quitar o salário de 72% dos servidores, sendo que o restante, quem têm remuneração maior que R$ 3 mil, vai receber nesta quinta, totalizando R$ 31 milhões. Na última segunda-feira (9) foram pagos R$ 5 milhões para os terceirizados da Seleta Sociedade Caritativa e Humanitária e Omep (Organização Mundial Para Educação Pré-Escolar), referente à folha de dezembro.

Na mesma data a Prefeitura quitou parcela de R$ 1,5 milhão com a Caixa Econômica Federal. “Todo mês até 2030 uma parcela dessa operação de credito será paga”, explicou Marquinhos. Nesta quarta-feira (11) outros R$ 600 mil serão destinados aos trabalhadores do Instituto Mirim, além de R$ 4,5 milhões para pagar integralmente o 13º dos terceirizados da Seleta e Omep

Tópicos