Você está aqui

Câmara quer explicação de Bernal por R$ 1,8 milhão em uniformes estocados

Cerca de 87 mil peças foram achadas pela atual gestão

  • Otávio vai reunir vereadores para pedir explicações a Bernal (Fotos: Cleber Gellio)

A Prefeitura de Campo Grande respondeu ao vereador Otávio Trad (PTB) uma solicitação com explicações sobre os uniformes encontrados estocados em depósitos da Semed (Secretaria Municipal de Educação), e que teriam custado pouco mais de R$ 1,8 milhão.

Otávio, que presidente a CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) da Câmara, disse que vai encaminhar as explicações do município aos gabinetes de todos os colegas e pedir uma reunião com a Comissão de Educação da Casa.

“Faremos uma reunião para ver qual atitude tomar a respeito dessa situação”, frisou Otávio.

Foram mais de 85 mil peças encontradas pela gestão de Marquinhos Trad (PSD) deixadas pela administração de Alcides Bernal (PP).

O vereador Valdir Gomes, do mesmo partido do ex-prefeito, disse ao colega petebistas que os uniformes não foram entregues por Bernal porque os fornecedores não receberam da Prefeitura, e só fizeram entrega do material fora do prazo.

Na resposta que chegou à Câmara, encaminhada pela Semed, constam pelo menos três empresas que forneceram os uniformes, que inclusive já começaram a ser entregues em escolas da Capital.

Entre as peças de uniforme que estavam em estoque há bermuda tipo 1 (6.395); blusão moletom (155); regata tipo 1 (23.249); jaqueta elanca (9.777); jaqueta (13.145); tênis tipo 1 (3.787); tênis (4.947); bermuda tipo 2 (2.758) e regata tipo 2 (2.806). 

Tópicos