Você está aqui

Bernal diz que uniformes estocados estavam em condições de ser entregues

Ex-prefeito comentou pedido de explicação de vereadores

Depois que o presidente da CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) da Câmara da Capital, vereador Otávio Trad (PTB), prometeu tomar providências sobre os uniformes estocados nos depósitos da Semed (Secretaria Municipal de Educação), que custaram quase R$ 2 milhões, o ex-prefeito Alcides Bernal (PP) disse que teria deixado o material 'pronto para ser entregue'.

“Querem criar uma celeuma com uniforme que estavam devidamente guardados, em condições de ser entregues”, diz Bernal sobre o flagra de um estoque de uniformes escolares que a gestão dele teria deixado armazenados ao fim do mandato. 

Ao todo são cerca de 85 mil peças que custaram cerca de R$ 1,8 milhão, e que Bernal pontuou serem os mesmos adquiridos pela atual gestão.

Durante o período em que o ocupou o Paço Municipal Alcides Bernal manteve uma relação beligerante com a Câmara, que chegou a cassá-lo do cargo em março de 2014, e mesmo assim ele se disse surpreso com a repercussão do caso no legislativo municipal. “Eles (vereadores) subestimam a inteligência das pessoas. Não é momento de criar factoides”, alfinetou.

O vereador Otávio Trad (PTB) disse na sessão desta quinta-feira (20) que acionar a colegas para que a Casa tome providências sobre os uniformes encontrados no depósito.

Tópicos