Você está aqui

Ex-BBB Laércio é condenado a 12 anos de prisão por estuprar adolescente de 13

Vítima tinha 13 anos

O ex-BBB Laércio de Moura foi condenado a 12 anos de prisão pelos crimes de estupro de vulnerável e armazenamento de material (foto ou vídeo) contendo cena de sexo explícito ou pornográfica envolvendo criança ou adolescente. O Ministério Público do Paraná divulgou a decisão nesta terça-feira (12).

Laércio está preso desde maio de 2016. Ele foi acusado de estupro de vulnerável e de fornecimento de bebidas alcoólicas para uma adolescente de 13 anos. A defesa de Laércio disse que vai recorrer da decisão.

As investigações indicam que o crime ocorreu em 2012. A vítima é uma adolescente que, na época, tinha 13 anos. A jovem tem hoje 17 anos e confirmou o envolvimento com o ex-BBB.

A delegada Daniela de Andrade disse que Laércio manteve uma espécie de "relacionamento" com a adolescente por três anos. Os dois se conheceram em um evento público em Curitiba e Laércio começou a mandar mensagens para a garota. Familiares da vítima não tinham conhecimento do que ocorria até o momento em que a polícia procurou a vítima.

Tópicos