Você está aqui

Crueldade: Morre gata Vivi, ferida por atirador em HB20 prata

A placa do carro foi anotada

 

Morreu na noite deste sábado (23) a gata Vivi que foi atingida por um tiro dado pelo passageiro de um HB20 prata na madrugada de sexta-feira (22) no Bairro Monte Carlo, região norte de Campo Grande. No carro havia mais dois homens.

Imagens gravadas por câmeras de segurança de uma das residências registrou o momento em que os três homens no HB20 prata passam pela Rua Inajá e um deles atira contra o animal. Moradores do local socorreram o felino e levaram a um veterinário.

 O animal, que os moradores chamaram de Vivi andava pela calçada quando o condutor do veículo passou devagar, o passageiro colocou o braço para fora e com uma arma efetuou o disparo. O tiro acertou a coluna da gata que conseguiu se arrastar e fugir.

Um dos vizinhos ouviu o barulho do tiro e saiu para ver no momento em que outra moradora chegava a casa e socorreu o animal. O vizinho pegou sua motocicleta e perseguiu os suspeitos. Ele conseguiu anotar a placa do carro, um HB20 prata, placas OOH-5097, de Campo Grande (MS).

A filha do morador João Carlos Melli foi quem fez o socorro e levou a gata a uma clínica veterinária onde o felino passou por cirurgia. A gata que estava internada na Clínica Veterinária Pronto Vet passou por cirurgia que durou cerca de 4 horas, porém  não resistiu e morreu. Os moradores do Bairro São Carlo chegaram a arrecadar dinheiro para arcar com os custos na clínica.

Moradores também contaram que na semana passada outra gata também foi atingida por disparo de arma de fogo, só que na ocasião eles não conseguiram socorrê-la porque ela fugiu. Eles acreditam que os autores sejam os mesmos.

Um boletim de ocorrência foi feito na terceira delegacia e o caso será encaminhado para a Decat (Delegacia Especializada de Repressão a Crimes Ambientais e Proteção ao Turista).

Veja o vídeo AQUI

Tópicos