Midiamax
BUSCA: 
Editorial
TURISMO CADAVÉRICO
O prefeito de Bonito quer desbancar o saudoso personagem Odorico Paraguaçu. Mas a vida não imita a arte. Acorda desse pesadelo, Excelência!
Leia na íntegra
 Capa

 Últimas Notícias

 Pimenta no Reino

 Transparência

 Política

 Polícia

 Emprego

 Tecnologia

 Esportes

 Geral

 Mundo

 Brasil

 Agronegócio

 Economia

 Cultura

 Cinema

 Entretenimento
Articulistas



Blogs
 Fernando Soares
Mais Lidas
01 Jovem executado a tiros de calibre 9 mm era 'famoso' e tinha extensa ficha criminal

02 Abelhas-europeias matam 3 cachorros, 30 galinhas e atacam populares no Aero Rancho

03 Adolescente ferido com tiro no peito caminha até ponto de táxi da Capital para pedir socorro

04 Homem é executado no meio da rua na Moreninha após suposta briga por terreno

05 Tombamento de viatura do Samu deixa condutor e socorrista feridos na Capital

Espaço do Leitor
Espaço do leitor
Acesso Fácil
Faça da Midiamax sua página inicial

16/11/2013 15:55

Festival de Comédia a R$ 10 e R$ 5 acontece até amanhã em Campo Grande

Aumentar texto Diminuir texto

Mayara Sá

Desde ontem (15) Campo Grande é palco de muitas risadas e divertimento. O 1º Festival de Comédia da Capital começou nesta sexta-feira e vai até amanhã (17). Serão cinco peças teatrais de caráter cômico sendo encenadas por grupos de Mato Grosso do Sul.

Os preços também fazem rir o bolso do público – R$ 5 e R$ 10, se comprar avulso com uma hora de antecedência na bilheteria da casa. Ou o passaporte a R$ 26 (inteira) e R$ 13 (meia), que dá direito a ver todas as peças.

O público infantil e adulto ainda poderá se divertir com a peça “O Pedante”, de graça, na Feira Central.

O evento é realizado pelo Grupo Identidade Teatral com investimentos do Governo do Estado de Mato Grosso do Sul através do FIC (Fundo de Investimentos Culturais).

Programação

Neste sábado (16) ocorrerá a apresentação de “O Pedante”, com os atores Thaty D. Meo, Marcos Alexandre, Tauanne Gazoso e outros. A peça conta a história de um mercador riquíssimo que vivia em Veneza e teve um filho com uma bela jovem. O garoto era criado sob os cuidados e disciplinas de um mestre pedante. A apresentação será às 19h, na Feira Central.

Também no dia 16, às 20h30, no Aracy Balabanian, será apresentada a peça “O Santo e a Porca”, comédia de Ariano Suassuna escrita em 1957. O texto conta a história de um fazendeiro que pede o “maior tesouro” de um comerciante.

No domingo (17), mais duas peças são encenadas no palco do Aracy Balabanian. A primeira, às 16h, é “A Vassoura da Bruxa”, com os atores Amélia Rocha, Kadú de Paula e Jair de Oliveira. A história, que conta as trapalhadas de uma bruxa que descobre que sua vassoura voadora não funciona é considerada um clássico do teatro para crianças.

Encerrando a temporada de comédia, às 20h30, do domingo, ocorre a apresentação da peça “Noivo por Encomenda”, com Yago Garcia e Marcos Alexandre. O espetáculo conta a história de uma moça do interior que em busca de uma paixão entra em um clube de correspondência para conhecer vários pretendentes.



Comentários (0)

 
Deixar comentário
18h12
Literatura, teatro e música marcam Espaço da Poesia no Memorial da Cultura
17h20
Em forma de mosaico, espetáculo de dança chega a assentamentos e interior de MS
16h04
Espetáculo de dança homenageia dançarina amputada e fala sobre inclusão social
Charge do dia
Charge
Galeria
Revista Cultural MS
Artigo do dia
Aristóteles Drummond
Ação e não emoção
Entrevista
Diretor do CRA fala da importância do profissional administrador na gestão pública