Midiamax
BUSCA: 
Editorial
TURISMO CADAVÉRICO
O prefeito de Bonito quer desbancar o saudoso personagem Odorico Paraguaçu. Mas a vida não imita a arte. Acorda desse pesadelo, Excelência!
Leia na íntegra
 Capa

 Últimas Notícias

 Pimenta no Reino

 Transparência

 Política

 Polícia

 Emprego

 Tecnologia

 Esportes

 Geral

 Mundo

 Brasil

 Agronegócio

 Economia

 Cultura

 Cinema

 Entretenimento
Articulistas



Blogs
 Fernando Soares
Mais Lidas
01 Nelsinho, governo e vereador terão destino traçado pelo MPE nos próximos dias

02 Ladrões invadem residência e matam vítima porque não conseguia abrir cofre em MS

03 Criança cai de segundo andar do prédio do Procon de Campo Grande

04 Campo Grande tem até policial com dedicação exclusiva entre 'empresários' no setor de táxi

05 Duas vagas remanescentes de Zeca no TCE são disputadas por três ligados a Puccinelli

Espaço do Leitor
Espaço do leitor
Acesso Fácil
Faça da Midiamax sua página inicial

01/08/2013 21:19

Mulheres são presas com 26 quilos de maconha

Aumentar texto Diminuir texto

Assessoria/DA

Durante investigações para coibir o tráfico de drogas no município de Paranhos, investigadores da Polícia Civil daquele município descobriram que duas mulheres transportariam maconha em um ônibus intermunicipal, esta semana.

Na manhã de ontem (31) os policiais abordaram o ônibus que faz a linha entre Paranhos e Naviraí (MS), no qual estavam Cilceli Siqueira Morais, 29 anos e Adriana de Albuquerque Branco, 36 anos. As duas ficaram muito nervosas com a presença da polícia e passaram a ser entrevistadas.

Cilceli que estava sentada junto com Adriana na primeira poltrona do ônibus, informou que iria para o município de Tacuru (MS) e que apenas ela possuía bagagem, apresentando duas malas aos investigadores. Durante revistas os policiais civis encontraram 51 tabletes de maconha, que estavam distribuídos nas duas malas.

A droga que pesou 26 quilos seria levada para São Paulo, segundo o delegado Rinaldo Gomes Moreira. Cilceli que no ato da prisão apresentou documento falso em nome de Joyce Moura da Silva Souza, era foragida da polícia de São Paulo. Ela e a amiga Adriana foram autuadas em flagrante por tráfico de drogas.



Comentários (0)

 
Deixar comentário
22h35
Após roubo, assaltantes batem caminhonete em árvore na Capital
22h09
Homem morre atropelado em Campo Grande e motorista foge
21h43
Dentro de casa, mulher agoniza por seis horas após ser espancada e roubada na Capital
Entrevista
Diretor do CRA fala da importância do profissional administrador na gestão pública
Charge do dia
Charge