Midiamax
BUSCA: 
 Capa

 Últimas Notícias

 Pimenta no Reino

 Bastidores

 Transparência

 Política

 Polícia

 Emprego

 Tecnologia

 Esportes

 Geral

 Mundo

 Brasil

 Agronegócio

 Economia

 Cultura

 Cinema

 Entretenimento
Articulistas






Espaço do Leitor
Espaço do leitor
Blogs
 Alex Fraga

 Ana Cavalheiro

 Cozinha de Raízes

 Eugênia Amaral

 Falo Blogo Escrevo

 Festas e Eventos

 João Campos Online

 Papo de Pregão
 Fernando Soares
Mais Lidas
01 'Vanessinha' mata com 5 facadas homem que tentou estuprá-la após bebedeira em boteco

02 Leilão de produtos apreendidos tem ar-condicionado na caixa por R$ 180 e até cogumelos

03 Mulher é esfaqueada por marido depois de ser flagrada com outro na cama

04 Onde comer por R$ 1,00 no Centro de Campo Grande?

05 Briga entre ex-sócios de bar no Bairro Chácara Cachoeira vai parar na delegacia

Acesso Fácil
Faça da Midiamax sua página inicial

18/02/2013 10:47

Expogrande deverá ter shows musicais neste ano

Aumentar texto Diminuir texto

Tatiana Pires


A 75ª edição da Expogrande, entre os dias 11 e 21, de abril, deverá contar com atrações musicais, garantiu o presidente da Acrissul (Associação de Criadores de mato Grosso do Sul), Chico Maia. A informação foi divulgada durante reunião entre a diretoria da entidade, produtores rurais e lideranças do setor, na manhã desta segunda-feira (18), na qual foi discutida a demarcação de terras indígenas, com a participação do senador Ruben Figueró (PSDB).

Chico Maia afirmou que ainda não há nada de concreto para a realização dos shows, no entanto, acredita que os motivos pelos quais foram proibidas as apresentações no ano passado, foram de ordem política. “Estamos discutindo com o atual governo municipal e a esperança é de que sim tenhamos shows. Acredito que a politicagem ficou para trás. Iremos ao Ministério Publico se for preciso para oferecer mais diversão aos campo-grandenses”.

Para Maia, os shows fazem parte do modelo tradicional da Expogrande. “Iremos nos adequar quanto a restrição de horários caso seja preciso. Temos observado, através de pesquisas, que a comunidade dos bairros próximos defendem a realização dos shows. Não há nada que impeça, já que temos toda a segurança necessária, ao contrário de casas de shows que funcionam de forma precária e não proporcionam a devida segurança”, ressaltou.

Cleber Gellio
Chico Maia afirma que politicagem ficou para trás e Expogrande deve ter shows neste ano

Após o arrendamento de uma área de 30 mil metros quadrados para o supermercado Assai, da rede Pão de Açúcar, a Acrissul está trabalhando na readequação do espaço para a realização da Expogrande. “Teremos 14 hectares destinados a festa. Estamos construindo a infraestrutura necessária, alguns barracões foram derrubados e nesta área estão sendo instalados tapetes de gramas para a área verde”, comentou o presidente da Acrissul.



Comentários (10)

09/03/2013 10:06
kamilla
Eu sou a favor de shows na expogrande.quando a lei do silencio entro em vigor fui a um show do ze henrique e gabriel e quase nao teve publico por conta da lei.na minha opniao muitos cantores de fora pararam de fazer shows aqui no estado.

18/02/2013 19:23
Luis Miranda
Está difcil viver nos dias de hoje,está pior que nos tempos da ditadura militar, não se pode fazer mais nada em Campo Grande. Vivemos na proibição,o parque de exposição está no jóquei há 80 anos, as pessoas é que foram morar em torno do parque, pois lá não tinha nenhum bairro em volta. Então se os senhores foram morar em torno do parque sabiam que o parque era para as pessoas se divertirem, ok!!!

18/02/2013 18:19
Roberto nunes
EU MORO A 3 KM DA EXPOSIÇÃO. NÃO SOU CONTRA DIVERÇÃO ATE PORQUE CAMPO GRANDE, NÃO OFERECE NADA DE LAZER. MAIS ESTAVA DURO DE AGUENTAR, ATE PORQUE TODO FINAL DE SEMANA TINHA ESSES LIXOS!! DE SHOW SERTANEJO QUE E MAIOR IMBECILIDADE QUE CAMPO GRANDE TEM EM RELAÇÃO A LAZER .AGORA SE NÃO DER CERTO AQUI, ESSE CHICO MAIA LEVA PARA FRENTE DA SUA CASA

18/02/2013 17:44
Rodrigo Ortiz
Esse povo de CG é tudo ignorante, quando os políticos proibirem tudo e a cidade ficar deserta sem nenhum local pra se divertir o povo vem e reclama que a cidade não tem nenhum tipo de desenvolvimento. Também são tudo bicho do mato, pra vcs de CG se tem dois patetas tocando no botiquim da esquina está ótimo... Cidade vai afundar cada vez mais com essas proibições, depois não questionem.

18/02/2013 16:22
antonio oliveira
Falar demais nunca é bom. Esperamos que o presidente do sindicato cumpra suas obrigações legais. Ainda bem que ele não mora ao lado do Parque senão já teria se mudado.Parabéns ao Promotor Raslan.

18/02/2013 16:07
cabeça
fala para este senhor chamado Chico Maia ir morar perto do parque de exposições para ele ver se o barulho é "politicagem". fala sério......... o cara deve estar de brincadeira....

Próximo 
19h15
Moradores ‘plantam cerveja’ para sinalizar buraco em cruzamento de Campo Grande
18h49
Leitor flagra carro de concessionária da Capital estacionado em faixa de pedestre
18h22
Prefeitura discute revitalização do Centro com lojistas
Entrevista
“Queremos fomentar o comércio e ajudar as associações a conquistar espaço”, diz presidente da Faems